Download Free Templates http://bigtheme.net/ Websites Templates

Sábado, 13 de novembro de 1965, foi a data da última aparição a Conchita em Garabandal.

Na última aparição, novamente a Virgem Abençoada não falou somente a ela, mas para toda a humanidade. “Conchita, eu não vim apenas para ti, mas para todas as crianças”.Ela é a Mãe de todos e seu desejo é nos levar a seu filho Jesus. Ela ressalta a importância de se estar presente ao Sacramento Sagrado e pergunta a Conchita: “porque você não visita meu Filho mais frequentemente no Sacramento Sagrado? Porque você é conduzida pela preguiça e não vai visitá-lo? Ele está esperando por ti dia e noite”.

Ela me chamou pelo nome

Há algo muito bonito nesta aparição que não poderia jamais passar despercebido. Quando Conchita chegou aos pinheirais, ela nos disse que havia escutado uma voz doce, a voz da Virgem Abençoada, que a chamou pelo nome. A Virgem também chama a cada um de nós pelo nome e nos convida a um contato pessoal com ela. Nós não somos apenas um no meio de muitos, mas somos filhos dela. A escutemos nos chamando pelo nome, escutemos seus avisos, e o conselho que Ela nos dá, para amarmos a Deus e crescermos mais próximos Dele. Ao fim da aparição Nossa Senhora diz a ela para escutar a Jesus, agradecer a Ele, pedir a Ele e dizer-Lhe tudo.
Conchita admirou-se ao ver como a Virgem Abençoada estava preocupada com as mais ínfimas coisas de sua vida, como ela faz também com seus filhos na Terra. Nós também devemos admirar os vários cuidados que Nossa Mãe no Céu tem para conosco, e agradecê-la.